<$BlogRSDUrl$>

Segredos, ideias e banalidades para partilhar. Narcisismos e desabafos amorosos. Pensamentos e aventuras. O quente e o frio. "After all... i'm just a girl, standing in front of a boy, asking him to love her", Julia Roberts em Notting Hill.

30.6.03

Fim-de-semana insuficiente 

Apesar de um fim-de-semana agitado entre o Bairro Alto e o Lux, estou bastante livre. Aliás, os poucos apalpanços prometedores nos balcões da noite lisboeta foram rapidamente dissuadidos por uma conversa que começava com a seguinte pergunta: sabes o que é um blogue? Eles, muito provavelmente assustados com a possibilidade de uma prática sexual mais aventurosa, afastavam-se com delicadeza. No Jamaica, o melhor poico do Cais do Sodré, ainda tive uma resposta positiva. "Sim, sei o que é um blogue, mas sou contra". Era jornalista e tinha bom porte. As mãos eram tímidas mas os olhos curiosos. Parece que é um bom entrevistador porque a conversa durou muito e foi interessante. Também deve ser bom cronista porque tinha muitas opiniões, algumas até bem fundamentadas e interessantes. Já como repórter, não deve ser grande coisa, porque o «trabalho no terreno» foi francamente insatisfatório. Às cinco da manhã, foi arquivado no dossier dos «possíveis amigos», o que significa que merece ter o número na minha agenda de papel, mas não na agenda do telemóvel. É terrível quando um homem inteligente se revela uma péssima queca... Gostaria de chamar à atenção de todos os leitores para o facto de, apesar de me excusar a citar nomes, este amante furtivo (demasiado furtivo) não se tratar de Pedro Rolo Duarte, o editor do Dna. Há outros jornalistas com actividade sexual que são contra os blogues, por estranho que pareça!

Mas, apesar do fim-de-semana não ter sido brilhante, devo assumir a minha quota parte de culpa nos meus insucessos sexuais. A blogosfera não é exactamente o tema de conversa mais afrodisíaco. Ou pelo menos era o que eu pensava até me chegar hoje às mãos (com algum atraso), a última edição da Visão. Como toda a mulher livre com mais de 30 anos, olhei primeiro para as fotografias dos bloggers. Além do charmoso Francisco José Viegas, gostei bastante do Ricardo Araújo Pereira. E ainda por cima gosto de homens mais novos! Acho que o Gato Fedorento acaba de ganhar mais uma visitante. Esperemos que os guionistas e bloguistas tenham, mesmo que apenas virtualmente, mais propriedades estimulantes que os jornalistas anti-bloguistas.

Com carinho,
Sara

Aviso à navegação. É mesmo verdade aquilo que presume no texto de introdução deste blogue: ando à procura. Talvez não de um príncipe encantado, porque se o encontrasse, teria que deixar de procurar. E confesso: o que me dá prazer é a procura. É a infinitude de possibilidades. É a quase certeza absoluta que me advém de 33 anos de vida: não há almas gémeas. Quando muito há corpos gémeos e momentos em que duas pessoas são perfeitas uma para a outra. Mas não há amor eterno. No entanto, reparem que digo ter «quase» a certeza absoluta. Como em tantos outros casos, a mim, é o «quase» que me faz correr. A possibilidade do amor perfeito. Não há o homem ou mulher perfeito para mim... a menos que exista.

Sara

This page is powered by Blogger. Isn't yours?